quarta-feira, 30 de setembro de 2009

culture club e boy george-everything i own

George Alan O’Dowd ou Boy George (nascido em 14 de junho de 1961, em Elthan, Kent, Inglaterra) cantor, compositor e DJ britânico, foi um dos cantores homossexuais mais famosos e excêntricos da década de 1980, à frente do grupo Culture Club, grupo do movimento New Wave fundado em 1982. Envolvidos em escândalos e drogas, a banda se desfez em 1987, quando Boy George iniciou sua carreira-solo. O Culture Club foi um dos integrantes do movimento New Romantic ao lado de Duran Duran e Visage. No entanto os conflitos entre os integrantes do grupo, e os problemas de Boy George com drogas levaram à separação do grupo. Em 1986, Boy George é preso por porte de drogas, e o tecladista Michael Rudetski é encontrado morto, por overdose de heroína na casa de Boy George. Boy George é internado em uma clínica para tratar sua dependência, e retorna ao mercado em 1987, iniciando sua carreira solo com o álbum Sold que faz sucesso somente na Inglaterra, embora este álbum tenha um single que atingiu razoáveis posições nas paradas de sucesso mundial, o cover de "Everything I Own". Fatos recentes Em agosto de 2006, Boy George foi condenado por ligar para a polícia americana e simular um assalto em seu apartamento em Nova York. A polícia encontrou uma quantidade de cocaína e lhe aplicou como pena a limpeza das ruas durante uma semana. Em 9 de setembro de 2008, Boy george fez o seu primeiro show no Brasil, em São Paulo, no qual cantou sucessos do passado como "Do You Really Want To Hurt Me?", "Miss Me Blind" e "Karma Chameleon". Em 16 de Janeiro de 2009, foi sentenciado a 15 meses de cadeia no Tribunal de Snaresbrook em Londres, por manter o acompanhante norueguês, Audun Carlsen, sequestrado na sua casa tendo este sido algemado e espancado