segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Igreja evangélica possui faixa 'expulsando' presença de candidatos oportunistas



A partir do dia 16 de agosto, a campanha eleitoral estará liberada e acaba o famoso "pedir apoio" ou "pré-candidato" para "pedir voto" e "candidato" de fato. Nesse período, se intensifica a busca de votos no "corpo a corpo" - e um dos principais alvos do políticos são igrejas.

Foi com a intenção de advertir os candidatos a não pedirem votos na Igreja Batista Nacional Avivar de Novo Hamburgo, que o pastor Juliano Souto colocou uma faixa, no mínimo, inusitada em frente ao tempo, que fica no bairro Rondônia.

"Senhores candidatos a vereadores e a prefeito, estamos há três anos nesta comunidade e nunca tivemos o privilégio de suas visitas. Queremos continuar assim até outubro deste ano. Após este período, serão bem-vindos!", afirma a faixa.

"A nossa igreja tem consciência que deve influenciar em todas as áreas e nesta eleição queremos levantar a bandeira contra a hipocrisia e blindarmos nossa comunidade de maus elementos que abusam do poder público para se locupletar", afirmou o pastor, completando: "Depois das eleições a igreja estará de braços abertos a nossa liderança municipal, pois temos que honrar as autoridades constituídas."

Nenhum comentário:

Postar um comentário