terça-feira, 6 de dezembro de 2016

ANS suspende venda de 69 planos de saúde





Devido ao grande número de reclamações, 11 operadoras de planos de saúde foram proibidas de comercializar 69 planos. A medida vale por no mínimo TRÊS meses. Mas pode ser prorrogada se as operadoras não se adequarem aos padrões de qualidade estabelecidos pela Agência Nacional de Saúde Suplementar, a ANS.
As operadoras que tiveram a comercialização suspensa são: Saúde Sim, Unimed Norte/Nordeste, Unimed-Rio, Agemed Saúde, Associação Auxiliadora Das Classes Laboriosas, Pame, Medisanitas Brasil, Care Plus Medicina Assistencial, Cooperativa De Trabalho Medico Do Rio De Janeiro, Unilife Saúde, Caberj Integral Saúde e Caixa Seguradora Especializada Em Saúde. A lista completa de planos suspensos pode ser acessada pelo site da ANS.
As principais reclamações se referem à cobertura assistencial, à recusa de realização de procedimentos e à demora no atendimento. A medida levou em consideração quase 14 MIL reclamações feitas entre o dia 1° de julho e 30 de setembro. A suspensão começa na sexta-feira, dia 9 de dezembro e vale apenas para a comercialização de novos planos. Quem já é beneficiário não precisa se preocupar. Os clientes não são afetados pela punição. Mas a recomendação é que, caso haja algum problema, o beneficiário deve entrar em contato com a operadora do plano de saúde. Ele também deve fazer uma reclamação para a ANS pelo site www.ans.gov.br ou pelo telefone 0 800 701 96 56.

Nenhum comentário:

Postar um comentário