sábado, 17 de dezembro de 2016

Jovens são expulsas da polícia após vazamento de foto de beijo


Duas cadetes da Polícia Metropolitana de Buenos Aires, na Argentina, foram expulsas da corporação após uma foto em que aparecem se beijando viralizar nas redes sociais. Segundo o jornal argentino El Intransigente, as jovens denunciaram a atitude do instituto ao órgão argentino de combate à discriminação, o INADI.

Na foto divulgada nas redes sociais, as mulheres identificadas como Carolina Gutiérrez e Brenda del Hoyo aparecem fardadas. Segundo Carolina, a foto foi tirada por outra cadete, que lhes enviou a imagem por mensagem privada. “Alguém, que não sabemos quem é, fez uma captura da mensagem e a partir daí a foto ficou pública e tomou muita força”, contou ao El Intransigente.

As duas relataram que um dia após a foto ser tirada já receberam a notícia de que seriam expulsas da Polícia Metropolitana. Apesar de reconhecerem o erro que foi tirar a foto no ambiente de trabalho, ambas se sentem discriminadas e humilhadas. Segundo as cadetes, casos como esse já aconteceram com outros integrantes da força heterossexuais, mas as punições aplicadas foram muito mais leves.

De acordo com a Polícia Metropolitana, a decisão de expulsar as cadetes “não foi tomada devido a sua orientação sexual, mas sim em cumprimento as regras da instituição”, que proíbem que os policiais tirem fotos ou façam filmagens usando os uniformes oficiais e publiquem nas redes sociais. “Se trata de um delito grave, que comprometeu a imagem da Polícia Metropolitana.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário